13 de fevereiro de 2016

[Louca por séries] Atualização de coluna e novidade!




Olá gente!

Eu sei que tenho postado pouco (me desculpem), mas to seguindo meu ritmo para não sufocar a minha rotina. Enfim, hoje vim atualizar o loucas por séries, vou apresentar para vocês um aplicativo maravilhoso que eu uso, dizer o que estou assistindo no momento, o que pretendo voltar a assistir, as séries novas (não necessariamente novas) que pretendo começar esse ano ainda e para terminar a minha ideia de diário de séries.

Prontos? Vamos começar.

10 de fevereiro de 2016

[Livro em pauta] Cidade do Fogo Celesital




Cidade do Fogo Celestial
Sinopse: Escuridão retorna ao mundo dos Caçadores de Sombras. Enquanto seu povo se estilhaça, Clary, Jace, Simon e seus amigos devem se unir para lutar com o pior Nephilim que eles já encararam, o próprio irmão de Clary. Ninguém no mundo pode detê-lo, deve a jornada deles para outro mundo ser a resposta? Vidas serão perdidas, amor será sacrificado, e o mundo mudará no sexto e último capítulo da saga Os Instrumentos Mortais.









Autora: Cassandra Clare
Editora: Galera Record
páginas: 532
Classificação: 5/5

Confira as resenhas dos livros anteriores:
Cidade de dos ossos
Cidade das cinzas 
Cidade de vidro / Cidade dos anjos caídos
Cidade das almas perdidas

                " Preto para caçar de noite e dar sorte, pois o branco é a cor do pranto e da morte."

25 de janeiro de 2016

[Livro em pauta] Cidade das Almas Perdidas


Cidade das Almas Perdidas 
Sinopse: Quando Jace e Clary voltam a se encontrar, Clary fica horrorizada ao descobrir que a magia do demônio Lilith ligou Jace ao perverso Sebastian, e que Jace tornou-se um servo do mal. A Clave decide destruir Sebastian, mas não há nenhuma maneira de matar um sem destruir o outro. Mas Clary e seus amigos irão tentar mesmo assim. Ela está disposta a fazer qualquer coisa para salvar Jace, mas ela pode ainda confiar nele? Ou ele está realmente perdido?







Autora: Cassandra Clare
Editora: Galera Record
Páginas: 434
Nota: 4/5

*Contém spoiller dos livros anteriores.

Resenhas anteriores
Cidade dos Ossos
Cidade das Cinzas
Cidade de vidro / Cidade do Fogo Celestial

18 de janeiro de 2016

[Livro em pauta] Perdida




Perdida Sinopse: Sofia vive em uma metrópole e está acostumada com a modernidade e as facilidades que ela traz. Ela é independente e tem pavor à mera menção da palavra casamento. Os únicos romances em sua vida são aqueles que os livros proporcionam.
Após comprar um celular novo, algo misterioso acontece e Sofia descobre que está perdida no século dezenove, sem ter ideia de como voltar para casa  ou se isso sequer é possível. Enquanto tenta desesperadamente encontrar um meio de retornar ao tempo presente, ela é acolhida pela família Clarke. Com a ajuda do prestativo  e lindo Ian Clarke, Sofia embarca numa busca frenética e acaba encontrando pistas que talvez possam ajudá-la a resolver esse mistério e voltar para sua tão amada vida moderna. O que ela não sabia era que seu coração tinha outros planos...

Perdida é uma história apaixonante que vai fazer você querer devorar até a última página.

Autora: Carina Rissi
Editora: Verus
páginas: 364
Classificação: 5/5


Gostaria que alguém me explicasse por que é tão difícil escrever uma resenha quando o livro é maravilhoso e se torna sem esforço um dos seus queridinhos da vida. Já devem ter reparado que eu amei Perdida neh?!?! Mesmo assim quero preparar vocês para o que vem a seguir nessa resenha, serei melosa e ela estará cheia de elogios, por que esse livro não merece nada menos.

Comecei a ler 10:00 horas da manhã (aproximadamente) e terminei a minha leitura as 17:00 horas (aproximadamente) do mesmo dia, o motivo para tanta rapidez é simples, não consegui desgrudar desse livro nem por um segundo e se tinha que ir ao banheiro ou comer já me deixava irrita, afinal, quem precisa do mundo real?? Esse livro já é bem conhecido, por isso vou pular toda a introdução a história e ir direto para minha opinião pura e simples, espero que não se importem :)

Carina me surpreendeu de uma forma tão boa e arrebatadora que me culpo até agora (já li faz mais de um mês) por não ter conferido essa maravilha antes, ainda acho que os livros nacionais são muito caros, mas sinceramente Perdida merece cada centavo. A autora soube escrever esse romance com perfeição, ela não se preocupou com a história do Brasil (assunto muito falado por ai), nem em montar cenários, esse livro é sobre o casal protagonista e em como duas pessoas de épocas completamente diferentes podem se apaixonar e conviver de uma forma incrível. Além de um romance pra lá de encantador, ela criou com perfeição personagens muito próximos da realidade, com personalidades diferentes, opiniões formadas, que ao mesmo tempo são mutáveis, o que permitiu que um aprendesse com o outro todo o tempo e essa é uma característica que eu gostei muito.

Sophia é doida, não sei se é por causa da situação em que se encontra, mas a menina é muito maluquinha e isso gera muita confusão e boas risadas. Ela é uma personagem “real”, podemos encontrar um pouco de Sophia em cada um de nós, em nossa melhor amiga principalmente, já que ela é a pessoa que passas dos limites quando tem que falar alguma coisa na sua cara, mas está com você para o que der e vier. Já o Ian não existe em nenhum outro lugar do universo, talvez a época dele favoreça, ou seja, ele é um homem a moda antiga, cavalheiro, simpático, respeitador e quente, amigo e com uma bondade invejável. Vejam bem, eu gosto de bady boys alá Travis Maddox, mas um cara bonzinho, um verdadeiro príncipe é tão difícil de encontrar que quando aparece um me derreto toda igual sorvete em dia quente.

A leitura é fácil e rápida, o ritmo do livro é constante, sem muitos altos e baixos, tem algumas cenas isoladas em que os acontecimentos são mais rápidos e faz você ficar com o coração na mão, fora isso é uma leitura tranquila, acolhedora e divertida. Ideal para quem quer passar o tempo com um bom livro e se divertir bastante. Estou louca para conferir Encontrada e Destinado, não veja a hora de saber o que veio depois e em que confusões minha BFF se meteu agora.

Eu vou ficando por aqui, muito aliviada por enfim, ter escrito essa resenha. Espero que tenham gostado do post, espero que amem Perdida assim como eu, obrigada pela visita e até a próxima.

10 de janeiro de 2016

[Louca por séries] The Heirs


Gênero: Drama, Romance
Estreia: 09/10/2013
Canal: Seoul Broadcasting System






















O que é Dorama?


Dorama é a definição generalizada do gênero série de televisão oriental, seja ela J-Drama (drama japonês), K-Drama (drama coreano), TW-Drama (drama taiwanês), C-Drama (drama chinês) e até mesmo os Live-Action(filmes com pessoas reais quando um mangá ou anime faz sucesso), ou seja, nada mais é do que seriado oriental.

28 de novembro de 2015

[O Assunto é sério] Vamos falar de feminismo? #2 (#Meuamigosecreto)


Olá!

Hoje vocês não vão encontrar resenha de livros, filmes ou algo relacionado ao lazer e imaginação, hoje quero falar de realidade, uma triste realidade que tentamos mudar a cada dia e a cada pensamento, mas essa realidade sisma de ser incoerente, sisma de não entender, sisma que não sabe ler e se recusa a mudar para o bem do outro e do mundo.

Tem momentos que eu sinto a necessidade de dar voz a alguma coisa, sinto a necessidade de dizer o que to pensando e não é no Facebook que me sinto a vontade para fazer isso e sim aqui, no meu blog, no meu espaço e partindo desse principio eu quero falar um pouquinho da tão comentada, aplaudida e criticada hasthtag #meuamigosecreto.

#Meuamigosecreto acha normal andar com a mão dentro da calça no meio rua, sem se importar com quem está passando e os meu outros amigos também não se importam e se se incomodam não dizem nada e olham normal como se nada tivesse acontecendo. Mas vai eu arrumar a calcinha que ta me incomodando para ver só, meu outros amigos já olham de lado como se eu tivesse tirando a roupa no meio da rua.

25 de novembro de 2015

[Blábláblá] 4 Anos de blog! (Parabéns OS)




"Sonhe com o que você quiser.
Vá para onde você queira ir.
Seja o que você quer ser, porque você possui apenas uma vida e nela só temos uma chance de fazer aquilo que queremos.
Tenha felicidade bastante para fazê-la doce.
Dificuldades para fazê-la forte.
Tristeza para fazê-la humana.
E esperança suficiente para fazê-la feliz."

Clarice Lispector

Esse blog é o meu sonho e não importa se eu sonho meio bobo, o importante é nunca parar, nunca desistir e sempre se importar.

Nesses quatro anos de blog eu quase desistir varias vezes, desanimei, mas sempre voltei, pois quando fazemos algo por amor, com carinho e dedicação sempre colhemos bons frutos.

Obrigada por mais um ano, agradeço a cada um que passou por aqui, não precisa comentar ou seguir, o importante é você ter lido um pouquinho do que tenho para falar.

Parabéns para esse blog que me deixa de cabelo em pé, mas que a 4 anos me possibilita expressar uma parte de mim que antes eu mantinha escondida, que me fez ser mais livre e confiante!
  
Eu vou ficando por aqui, obrigado por mais uma visita e até a próxima!

10 de outubro de 2015

[Livro em pauta] Princesa Mecânica




Princesa Mecânica

Sinopse: Continuação de Príncipe mecânico, “Princesa Mecânica” é ambientado no universo dos Caçadores de sombras, também explorado na série Os Instrumentos mortais, que chega agora ao cinema. Neste volume, o mistério sobre Tessa Gray e o Magistrado continua. Mas enquanto luta para descobrir mais sobre o próprio passado, a moça se envolve cada vez mais num triângulo amoroso que pode trazer consequências nefastas para ela, seu noivo, seu verdadeiro amor e os habitantes do Submundo.







Autora: Cassandra Clare

Editora: Galera Record
páginas: 430
Classificação: 5/5

Dica: 
Leia a trilogia As Peças Infernais antes de ler Cidade do Fogo Celestial último livro da saga Os Instrumentos Mortais, pois as histórias se cruzam e você vai encontrar alguns spoilers da trilogia no último volume da série.

2 de outubro de 2015

[Poetizando] O sonho



O sonho

Sonhe com aquilo que você quer ser,
porque você possui apenas uma vida
e nela só se tem uma chance
de fazer aquilo que quer.

Tenha felicidade bastante para fazê-la doce.
Dificuldades para fazê-la forte.
Tristeza para fazê-la humana.
E esperança suficiente para fazê-la feliz.

As pessoas mais felizes não tem as melhores coisas.
Elas sabem fazer o melhor das oportunidades
que aparecem em seus caminhos.

A felicidade aparece para aqueles que choram.
Para aqueles que se machucam
Para aqueles que buscam e tentam sempre.
E para aqueles que reconhecem
a importância das pessoas que passaram por suas vidas.

Clarice Lispector

27 de setembro de 2015

[Livro em pauta] O Príncipe dos Canalhas


O Príncipe dos CanalhasSinopse: Sebastian Ballister é o grande e perigoso marquês de Dain, conhecido como lorde Belzebu: um homem com quem nenhuma dama respeitável deseja qualquer tipo de compromisso. Rejeitado pelo pai e humilhado pelos colegas de escola, ele nunca fez sucesso com as mulheres. E, a bem da verdade, está determinado a continuar desfrutando de sua vida depravada e pecadora, livre dos olhares traiçoeiros da conservadora sociedade parisiense. Até que um dia ele conhece Jessica Trent... Recém-chegada a Paris, sua única intenção é resgatar o irmão Bertie da má influência do arrogante lorde Belzebu. Liberal para sua época, Jessica não se deixa abater por escândalos e pelos tabus impostos pela sociedade muito menos pela ameaça do diabo em pessoa. O que nenhum dos dois poderia imaginar é que esse encontro seria capaz de despertar em Dain sentimentos há muito esquecidos. Tampouco que a inteligência e a virilidade dele pudessem desviar Jessica de seu caminho. Agora, com ambas as reputações na boca dos fofoqueiros e nas mãos dos apostadores, os dois começam um jogo de gato e rato recheado de intrigas, equívocos, armadilhas, paixões e desejos ardentes.

Autora: Loretta Chase
Editora: Arqueiro
Páginas: 288
Nota: 3/5